como-responder-as-perguntas-dos-filhos-39842
O 20 fevereiro 2018

Perguntas que filhos querem fazer mas não sabem como!

*Texto feito por Adriano

Por que? Por que? Por que?

Fala a verdade, quantas vezes ouviu esta pergunta somente hoje?

Sabia que existem perguntas que nossos filhos querem fazem mas não sabem como?

Sim, crianças fazem um milhão de perguntas (por dia, em média) Por que tenho de comer? Por que tenho de tomar banho? Por que tenho irmão? E por aí vai…

Ocasionalmente, uma pergunta vem exigindo mais do que uma resposta simples (ou uma distração enquanto você rapidamente vai pesquisar em como responder).

Quando os seus filhos fazem essas perguntas – ou mesmo quando eles não fazem- devemos ter o tempo certo ara ajudá-los a compreender estas questões importantes.

Aqui estão algumas perguntas de fato importante que seus filhos querem fazer mas não sabem como:

Como faço para parar de ser intimidado?

É terrível pensar que alguém possa ferir seu filho, seja física ou emocionalmente. Às vezes as crianças mantém o bullying que sofre em segredo. Se você notar que algo estranho está passado com seu filho, relacionado à bullying ou, melhor ainda, que seu filho venha falar com você sobre isso, ouça com seriedade. Ajude a a lidar com a esta situação difícil para seu filho. Não tenho a resposta certa, mas ouvir e conversar pode certeza que irá ajudar muito. Ouça ele.

O que devo fazer se eu ver alguém nu no computador?

Falar sobre nudez e temas sexuais pode ser difícil, mas saiba que se conseguir este canal, será mais fácil para os seus filhos se aproximarem de você. Se você é calmo e simples, eles estarão mais propensos a recorrer a você quando eles têm perguntas sobre o material que encontram.

O que responder: Usar táticas apoiada pela investigação para falar de forma adequada à cada idade sobre sexo, pornografia e seus valores familiares com seus filhos, seja eles com 5 ou 15 anos. Não seja castrador ou fazer deste assunto um tabu. Eles vão querer saber, cedo ou tarde sobre o tema, depende de você conseguir este canal muito importante. Se não for com você, será outro canal, pode ter certeza.

Como faço para conversar com alguém que eu gosto online?

Resposta: Seja você mesmo!
Parece idiota este conselho né? Mas você estará ajudando seu filho a demonstrar segurança em suas ações. Se ele fica perguntando, teclo isso, teclo aquilo? É mais fácil você pegar o celular e digitar!

E assim, surge uma brecha para mais conversas! é um conselho impressionante, dizer: Seja você mesmo!
Ainda assim, depois de dar este conselho, deve, com conversas, reforçá-la com sabedorias sobre o que deve e não deve ser compartilhada on-line.

Por exemplo, o envio de mensagens sexuais e imagens é uma prática generalizada que pode ferir seu filho, pessoalmente e legalmente, então mostre os perigos desta e de outras atividades.

Por que eu tenho que ser legal com as pessoas que eu não gosto?

As crianças tendem a ser sinceras, soltando comentários que você preferiria que eles guardassem para si.
Todavia, incentivar a honestidade sempre é bom. Interagir com colegas para manter a paz e com estranhos, a cordialidade vem sempre a calhar. Além disso, o ditado de que você nunca sabe realmente o que está acontecendo com outra pessoa é válido.
Ajude seus filhos a entender esse conceito com exemplos de sua vida, ou mesmo suas vidas, para incutir o benefício de beneficência.

Por que você fica mais tempo diante da TV e computador do que eu?

É difícil para as crianças entenderem por que os adultos seguem diferentes conjuntos de regras. Claro, é bom para dar um exemplo, mas você tem diferentes responsabilidades, e “porque eu disse isso” não vai dar certo!
Explique por que você usa o computador, por vezes, quando eles não estão autorizados ou por que você assiste TV para “descomprimir” antes de dormir…

Por que você tem que ver o que eu faço na Internet?

Como um pai, parte de seu trabalho é proteger o seu filho. Mesmo adolescentes precisam da ajuda, embora eles tenham a certeza que não. Deixe seus filhos saberem que, não importa o que eles fazem, você está lá para cuidar deles. Diga que você acompanha suas atividades online, mas você sempre está aberto com eles sobre isso, explique que você pode ver perigos que ele pode não reconhecer.

E você, tem perguntas que sente que seus filhos querem fazer mas não sabem como?

Escreva nos comentários!

*Adriano, marido da Lorie, pai de 5 filhos, Felipe e André e também das trigêmeas, Nicole, Sofia e Julia, tem uma linda vira lata, a Gaya e criou o Blog Pai de Cinco, que oferece conteúdo exclusivo do universo infantil.

Acesse grátis nossos jogos e histórias e ensine seu pequeno brincando!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *