blog1
O 18 outubro 2015

Histórias revisadas por pedagogos?

A primeira infância tem sido mais ao que deve ser oportunizado nesta fase. No meio educacional, este período entre 0 e 6 anos também merece uma atenção especial, considerando que ela é um meio de socializar e dar oportunidades. Dessa forma, a Timokids fez esse artigo com uma reflexão sobre a atuação do pedagogo em relação ao desenvolvimento psicomotor na primeira infância e o quanto este profissional pode contribuir para uma efetiva prática motora das crianças.

A pedagoga Evanilde Almeida Gomes diz que: “Contar histórias aos nossos filhos, desde seus  primeiros anos de vida, é importante e não é novidade! Basta nos atentarmos às inúmeras matérias sobre o assunto, onde alguns profissionais da Educação dizem que “não existe criança mais inteligente, existe criança mais estimulada!” Quanto a isso, não nos restam dúvidas e, certamente, a maioria concorda. O problema é escolher o que contar, quais temas abordar e quais os objetivos que queremos atingir.
Para termos a segurança necessária e não corrermos o risco de colocar inutilidades e futilidades nas cabeças dos nossos pequenos, é extremamente importante seguirmos as orientações de pedagogos e psicólogos, que são capacitados para nos ajudar.
Toda história, por mais inocente que seja, aos nossos olhos, deixará alguma lição aos nossos filhos. Como é sempre melhor pecar pelo excesso de cuidados, vamos escolher as histórias que foram revisadas por pessoas preparadas para nos auxiliar na difícil missão de formar um cidadão crítico.”
Sendo assim, conclui-se que o campo de atuação do pedagogo é muito importante, haja vista sua fundamental relevância nos ambientes escolares e não escolares, aplicando sua sabedoria, conscientizando e tranquilizando os pais de um conteúdo socioeducativo e importante para o crescimento de seus pequenos.

Baixe o Timokids Grátis em seu celular e tablet:

http://timokids.com.br/ios.html

http://timokids.com.br/android.html

http://timokids.com.br/windowsphone.html

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *